Total de visitantes

23 de ago de 2010

Materiais para Desenho

Talvez pela singeleza dessa arte, as pessoas tendem a imaginar que qualquer lápis escolar e uma folha de papel ofício são suficientes para produzir um bom
 resultado. Ledo engano, partindo-se do princípio que estamos tratando de desenhos realísticos e que as pretensões do desenhista vão além da produção de
alguns rabiscos.

Por experiência própria, posso afirmar que o uso de materiais de boa qualidade faz toda a diferença e é imprescindível para a obtenção de um bom resultado,
contribuindo ainda para a durabilidade da obra (que será objeto de uma próxima dica). Diria mesmo que é fundamental para a obtenção de resultados expressivos,
 impossível de se obter com materiais ruins.

Infelizmente, a qualidade dos materiais nacionais é insuficiente para a realização de bons trabalhos, nos obrigando a recorrer aos importados,
 geralmente encontrados apenas nos grandes centros.

Os materiais básicos para o desenho são: papel, lápis, borracha e esfuminho. Eu uso e recomendo o seguinte:

1. Papel

1.1. Canson Mi-Teintes 160 gr/m2: Um papel muito bom (cuidado para não confundir com o Canson escolar) que possui 60% de algodão na sua composição,
 livre de alcalinidade, vendido em folhas A4 e folhas de 50x65cm. Apresenta um lado rugoso, com textura que lembra favos de de uma colméia e outro mais liso.
 Sugiro que se use o lado mais liso para desenhos realísticos.

1.2. Fabriano 121L 300 gr/m2: Um papel excelente com 50% de algodão na sua composição, livre de alcalinidade, excelente resistência à borracha
 e com uma textura fantástica para o desenho realístico de precisão. Geralmente vendido em folhas de 100x60cm.

2. Lápis (H, HB, B e 2B)

2.1. Bruynzeel (Holandês) e, na falfa deste o

2.2. Staedtler (Alemão)

Uso ainda lapiseiras 0.5 e 0.7, com minas B e 2B, para executar algumas texturas como cabelos por exemplo.

Os esfuminhos, para aqueles que ainda não os conhecem, parecem lápis, mas são feitos inteirinhos de papel prensado e são usados na fase de acabamento
 final para esfumar o desenho, ou seja, para suavizar as texturas e as passagens de tons. O uso do esfuminho é tão importante e possui tantos mitos que
 dedicarei uma dica só para o uso desse material tão simples e tã fantástico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário